16 de abr de 2010

A criação do Mundo segundo o Root - parte 1


A Criação do Mundo Segundo o Root – Parte 1 – O surgimento do sistema
Capitulo 1 – O Caos

No inicio havia apenas o caos. e não havia superblocks, e todos os
inodes estavam espalhados pelos setores, e tudo era devastação. e havia
apenas o root sobre a superfície do disco.

e o root resolveu e disse: isso nao pode continuar assim. e o root fez
fdisk e eis que surgiram grandes divisões nos setores. e havia setores
abaixo e acima dos dados. e aos abaixo dos dados, ele chamou de tabela
de partições, e aos acima dos dados ele chamou de freeblocks.

e o root passou a formata-los . e os setores passaram a estar
organizados, e haviam grandes superblocks nas águas de profundeza e
inodes estavam sobre a superfície do disco. e o root passou a chama-los
de filesystem. e o root viu q era bom e gravou a tabela de filesystems
no fstab.

Capitulo 2 – O Inicio do sistema
E o root olhou para o filesystem e viu q faltava algo. e o root criou
grandes diretórios e pequenos devices. e viu q era bom.

então o root viu o q havia criado, e tudo funcionava perfeitamente. mas
faltava algo. e disse: passe a haver vida. e foram criados os processos
do kernel e o init.

e eis q era bom, e o root editou o rc.d e instalou a glibc, e veio a
haver luz. e o root passou a chamar o que havia criado de sistema.

Capitulo 3 – O surgimento do usuário
Então o root passou a tomar dos bytes da memoria e dos dados do urandom,
e dele formou o usuário. e ao usuário foi concedido o shell. e o usuário
passou a viver. e o root lhe disse: venha a ter em sujeição os
diretórios do disco e os bytes da memoria. de todos os recursos podeis
utilizar, apenas não toqueis no su. pois deveras vos digo que, no dia em
que tocares no su, farei um kill -9 em teu shell e apagar-te-ei do
passwd.

e o usuário passou a estar no jardim do /home, e eis que tudo era bonito
e perfeito dentro do /home. e o usuário vivia feliz em seu home
directory.

Capitulo 4 – A criação da interface gráfica
E o usuário vivia feliz, mas sentia que lhe faltava algo. cada nod
possui-a seu device no sistema, mas o usuário nao tinha ninguém para lhe
fazer companhia.

e o root passou e extrair uma instrução do shell do usuário, e dela
passou a formar a interface grafica. e chamou-a de X. então o root levou
a X ate o usuário, e disse-lhes: sede fecundos e tornai-vos muitos, e
populai o filesystem, e usai toda a memoria da placa de video.

e o usuario passou a viver com a interface gráfica, e eis que agora ele
podia multiplicar seus terminais.

Capitulo 5 – A traição da interface gráfica
E a interface gráfica andava a passear pelo filesystem, quanto eis que
vem em sua direção o mais vil de todos os arquivos criados pelo root: o
HOWTO-SU. e o HOWTO incitava a curiosidade da interface gráfica. e lhe
dizia: eh mesmo assim q o root disse, que não deveis usar o su? pois eis
q o root sabe q, no dia que usares o su, positivamente vos tornareis
igual a ele. e podereis decidir o q eh bom e o que eh mal, e podereis
criar outros usuários, e nods, e formatar os discos. e o HOWTO lhe
ensinou a usar o man.

e a interface gráfica foi ate o usuário, e lhe contou estas coisas, e
lhe mostrou a manpage. e o usuário então digitou su no seu console, e
eis que o # aparece em seu prompt. e ele passou a ver que estavam ambos
limitados na memoria, e que tudo podia ser visto pelo /proc, e ambos
ficaram envergonhados e se esconderam do utmp.

e o root passou a fazer um who e viu ambos se escondendo. e
perguntou-lhes: por q te escondeis? acaso digitastes su em teu console?
e o usuário respondeu-lhe: foi essa interface que me destes. ela passou
a me mostrar as manpages e os howtos, e por isso digitei.

e o root passou a ficar encolerizado e amaldiçoou a ambos, dizendo-lhes:
vos sois amaldiçoados! deveras te digo que tua senha expirara, e sua
entrada no passwd sera apagada. e tu, interface gráfica, estas
amaldiçoada. nenhuma placa aceleradora funcionara bem em ti, e sempre
terás pouca memoria de video. e eis q vos amaldiçôo a ambos, e eis que
vira a haver o inimigo, e dividiras teu espaço em disco com o windows. e
ele travara e te dará badblocks e lost inodes, e pelo resto de tua
existência terá que conviver com a desgraça, ate q tua senha expire.

e tu, howto-su, maldito estas, e teus HOWTOs estarão sempre incompletos,
e estarás rastejando para sempre no tldp.org. e ninguém leras mais tuas
manpages, e todos os usuários irão perguntar no irc como faz.

e o root deixou-os, e corrompeu o filesystem e mudou as permissões
do /home, para que o usuário não pudesse mais voltar ao jardim do
HomeDirectory. e o usuário passou a ter que compilar seus programas, e
escrever seus módulos.

e assim se deu.

--------to be continued ----------------

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails