6 de jan de 2010

Alta disponibilidade

Olá, povo!

Depois de um longo período sem aparecer por aqui, estou de volta com um assunto mais técnico, mas lightzinho, só pra esclarecer alguns pontos.

O intuito deste post, na verdade, é ressaltar as diferenças entre três protocolos importantes no nosso mundinho Cisco: HSRP, GLBP e VRRP.

Mas... First things first...

Para garantir alta disponibilidade é comum ter dois equipamentos idênticos em produção onde um deles age como ativo e outro fica em standby até que o principal esteja indisponível, assumindo, neste momento, suas funções, até que aquele seja reposto em atividade.

O protocolo VRRP é um dos disponíveis para esta função. É aberto e basta o IOS suportá-lo para ser implementado.

O VRRP garante alta disponibilidade utilizando um IP virtual pelo qual todos os equipamentos envolvidos respondem. Desta forma, o grupo de equipamentos redundantes se apresenta ao restante da estrutura como um só. Isso significa que, se o equipamento ativo sair do ar, os pacotes passam a ser encaminhados para um dos standbys automaticamente, de forma transparente para os hosts da rede.

O HSRP e o GLBP desempenham a mesma função, mas são protocolos proprietários CISCO. A diferença é que o HSRP provê apenas alta disponibilidade enquanto o GPBP também banlanceia carga entre os equipamentos por virtualizar não só o IP mas também o endereço MAC do grupo.

HSRP

GLBP

Em termos de configuração, os três protocolos também são muito parecidos. Para o VRRP:

RouterA#configure terminal
RouterA(config)#interface FastEthernet 0/0
RouterA(config-if)#ip address 192.168.10.1 255.255.255.0
RouterA(config-if)#vrrp 1 ip 192.168.10.100 (onde 1 é o identificador do grupo)
RouterA(config-if)#vrrp 1 priority 50
RouterA#show vrrp

Para o HSRP:

RouterA#configure terminal
RouterA(config)#interface FastEthernet 0/0
RouterA(config-if)#ip address 192.168.10.1 255.255.255.0
RouterA(config-if)#standby 1 ip 192.168.10.100 (onde 1 é o identificador do grupo)
RouterA(config-if)#standby 1 priority 50
RouterA(config-if)#standby 1 preempt (o parâmetro preempt faz com que o equipamento ATIVO volte a ser ATIVO quando estiver no ar novamente)
RouterA#show standby
E para o GLBP:

RouterA#configure terminal
RouterA(config)#interface FastEthernet 0/0
RouterA(config-if)#ip address 192.168.10.1 255.255.255.0
RouterA(config-if)#glbp 1 ip 192.168.10.100 (onde 1 é o identificador do grupo)
RouterA(config-if)#glbp 1 priority 50
RouterA(config-if)#glbp 1 preempt
RouterA#show glbp

Os exemplos foram dados com roteadores, mas estes recursos também estão disponíveis para switches. Aliás, são muito utilizados no Core das redes, onde estes serviços são essenciais. Se você tem dois 6500 no Core da sua rede é muito provável que ele esteja usando um destes recursos. ;)

E por hoje é só, PessoALL! Até a próxima!

2 comentários:

Adilson Florentino disse...

Muito Bom Thais !

Simples e Didático !

Faz algum tempo que queria postar algo sobre Alta Disponibilidade e vc o fez de forma brilhante !

Uma coisa que eu acho legal no GLBP é que se pode definir como o load balancing irá ocorrer, basicamente há 4 tipos de balanceamento:

1. None - se comporta de forma semelhante ao HSRP
2. Weighted - Baseado em pesos, ideal qdo se tem balanceamento em links desiguais
3. Host dependent - por host - ideal qdo se usa NAT (não indicado qdo se tem poucas máquinas)
4. Round robin - por host, para qualquer qtde de maquinas

Quem tiver interesse no assunto, acesse:

http://www.cisco.com/en/US/prod/collateral/iosswrel/ps6537/ps6554/ps6600/product_data_sheet0900aecd803a546c.html

Cristovão Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails